Feeds:
Posts
Comentários

Archive for abril \29\UTC 2010

>Ele é muito TUDO!

>Eduardo é o meu gato siamês (metido pedigree) que tem 12 anos. Seu apelido (só para os íntimos): Dudu. Quem deu este nome de gente pra ele foi sua antiga dona que teve que abrir mão de sua companhia pois precisou se mudar de país e não teve condições de levá-lo junto. Então, apesar dos meus outros bichos também terem nome de gente, o Eduardo não foi escolha minha… só pra constar… rs. Tem gente que acha desaforo colocar nome de pessoas em bicho, mas para mim eles são tão importantes quanto seres humanos e não vejo ofensa alguma nisso. Já vi cachorra se chamar Mila (tudo bem que este é o meu apelido) e não fiquei com raiva, pra mim, foi até elogio.. rs. Mas não era sobre isso que eu ia falar!!!!

Dudu é muito TUDO! Explico: muito fofo, muito delicioso, muito carinhoso… também é muito chato, muito temperamental, muito abusado… e por aí vai! Agora ele está com várias manias. Ops, agora não, sempre teve, mas adquiriu novas (devido a convivência com cães de diversas raças ao longo da vida), potencializou algumas, descobriu outras sozinho, enfim… Ele é muito TUDO!

Uma das suas manias é não poder ver alguém, especialmente eu, aninhada no sofá assistindo TV que escolhe ficar exatamente em cima de mim. Ele simplesmente sobe em mim sem querer saber como sobe… simples assim! Aí eu tenho que ficar torta e muitas vezes com alguma parte do corpo sem mexer e totalmente adormecido porque ele, com todo o seu peso reconchudo, está em cima. Ok! Tá frio mesmo, então a gente se aquece junto.

Se eu for contar todas as manias dele, escreveria um livro. Como ele é muito TUDO, ficaria muito metido se eu fizesse isso e talvez ainda fizesse questão de autografar com a pata. Pois bem, hoje, estou eu aqui navegando na internet, respondendo a emails e bla bla bla, quando escutei um barulho de embalagem de biscoito se abrindo. Sabem aquele barulhinho? Então! Pensei: “Cacilda Becker! Meu f ilho tá na escola, eu to sozinha, será que tem fantasma assaltando a despensa?”. Destemida fui lá checar. Eduardo estava com a cabeça inteira enfiada no saco de ração das cachorras, pegando grão por grão e se fartando com o que não  lhe pertence. Não briguei!

Eu não briguei por vários motivos: primeiro ele sempre foi um nojo pra comer… se por acaso não tivesse a ração preferida na loja e eu me visse obrigada a comprar outra, ficava mofando aqui. Nem se misturasse com a ração de sua preferência ele comia. Simplesmente ia catando com a pata a ração “boa” da ração “ruim”, como quem escolhe caroços de feijão antes de cozinhar. Segundo porque percebi certo clima de vingança. Explico: as cachorras já atacaram várias vezes seu pote de ração as escondidas e simplesmente o deixaram a ver navios. Qualquer bobeira que a gente dava, elas davam um jeito de ir lá e… zumpt… comer tudinho de lamber os beiços… Claro que Eduardo ficava por conta! Então, eu estou desconfiada que além da curiosidade dele de saber que gosto tem a ração das cães, ele meio que estava tentando se vingar delas. Já disse a ele que não tolero mais isso!

Aí vocês vejam só… um gato… já com uma certa idade (um idoso praticamente)… fazendo traquinagens infantis! A essa altura do campeonato, eu mereço! Fora outras lambanças típicas de quem pensa que manda em alguma coisa. Muito folgado!

As meninas (leia-se cães) ainda são crianças, então elas fazem bagunça mesmo e é até aceitavel… Mas Dudu? Ao invés de dar o exemplo para as irmãs, tem sido uma péssima referência. Acho que ele esnoba elas… rs.

Se vocês passarem um dia na minha casa vão sair daqui achando que esse gato é gente, como muitos que por aqui passaram e não acreditaram no que viram (ou melhor, passaram a acreditar!).

Tô lascada!

Read Full Post »

>

Eu vou escrever esse post como um exemplo de como mais ou menos vai funcionar a Blogagem “Vida Simples”, mas isso não quer dizer que seja uma regra, ok? Cada um vai escolher a melhor forma de abordar o assunto e quantas imagens quiserem colocar. Além disso, podem citar várias coisas simples a cada post. Eu vou usar como exemplo a imagem daquela cadeira que coloquei neste post aqui!

Foi num domingo, mais precisamente no dia 06 de dezembro de 2009. Em todos os finais de ano, a empresa que o meu marido trabalha promove uma confraternização entre os funcionários e suas famílias. A festa sempre acontece em uma das instalações do Lajedo que fica em Vargem Grande, RJ.

É sempre um grande evento, regado de muita comida e bebidas e, tudo isso, dura um dia inteiro. Chegamos bem cedo, tomamos um bom café da manhã, e passamos o dia inteiro comendo, bebendo, participando das animações propostas, os homens se envolvem em torneios de futebol e volei, as crianças brincam na piscina e em uma área reservada para elas, enfim…

Creio que poucos que ali estavam perceberam a beleza daquele lugar. Embora fosse uma reunião de confraternização, era difícil não se ouvir falar em trabalho. Fico pensando que é óbvio, já que a maioria daquelas pessoas passa o ano inteiro compartilhando informações referentes ao trabalho e o relacionamento fica restrito a isso.

Embora eu conheça muitos dos que ali estavam, tive o prazer de conhecer suas famílias. As esposas sempre se sentem meio deslocadas já que estão num ambiente “desconhecido”. Devido a isso, muitas não são capazes de deixar seus maridos a vontade. Como eu não queria interferir naquela dinâmica toda e também não estava interessada em ouvir a respeito de relatórios, tabelas, clientes, pendências, etc. peguei minha câmera e fui explorar o lugar.

Apesar de já ter ido ali muitas vezes em anos anteriores, eu ainda não tinha parado para olhar ao redor com mais calma, muito menos vasculhado este cantinho da foto que achei muito aconchegante e especial. De longe, vi pessoas tirando fotos por ali, sempre posando para elas entre abraços e sorrisos… e dava para ouvir: “- Esta vai para o Orkut!”. Eu sorri! Achei engraçado o fato de a motivação para uma foto ser colocá-la no Orkut… mas tudo bem… sempre é preciso uma motivação.

Enquanto aguardava a oportunidade para ir até a cadeira, passeei pelos jardins de flores mágicas. Um imenso bosque de colorido sem fim. Fiz bons cliques! Finalmente, a cadeira ficou disponível e me dirigi até lá. Que convite para o sossego e a contemplação era aquele! Será que em meio a música alta, às gargalhadas e o bate-papo, ninguém notou a mensagem que o paisagista quis passar através desse cantinho? Teve gente que chegou, sentou, comeu, bebeu e só se levantou na hora de ir embora, cumprindo um ritual meio que “de estou aqui obrigado e não vejo a hora de voltar pra casa”. Meras formalidades! Alguns passearam por ali munidos de câmeras filmadoras e fotográficas… mas creio que a maioria das fotos era óbvia, sempre mostrando alguém em pose e deixando o cenário como mero coadjuvante. Para mim, o cenário era o ator principal. Se não fosse por isso, era mais fácil e barato a empresa alugar um restaurante e não presentear a todos com aquele lugar inspirador.

É, muitos não têm o hábito de olhar em volta.

A cadeira solitária permaneceu lá com sua mensagem simplesmente óbvia e, talvez, por ser simples não despertou interesse. Geralmente as pessoas preferem falar das coisas complicadas e eu não sei porquê! Quase pude ouvi-la dizer:
– Hei, vem cá! Senta aqui e admira! Se inspira… procura a quietude que está dentro de você! Vamos? Só por alguns minutos!
Mesmo ainda em seu estado solitário, creio que ela continua na esperança de se fazer ouvir… Pelo menos, eu notei e, simplesmente, aquele domingo de mormaço ganhou um novo significado para mim a partir dali.

Read Full Post »

>Hello, pessoas lindas!

Primeiro quero dizer que estou muito contente pela aceitação do meu convite para a Blogagem Coletiva “Vida Simples”. Realmente não esperava (tão rápido) um retorno de vocês e o interesse em participar, então já começou sendo uma grata surpresa.

Bom, minha conexão com a internet não é assim uma “brastemp”, então tem dias que a coisa fica meio “carroça” por aqui… às vezes bate um pensamento insano de cortar lenha e tacar fogo para ver se a geringonça funciona mais rapidin… rs. Por isso, demoro algum tempo para atualizar as coisas e tudo o mais.

Reparem que no menu aí do ladinho direito logo abaixo da Tag da nossa Blogagem, eu estou fazendo uma listagem parcial dos blogs participantes. Quem está listado é quem me enviou os dados direitinho, ou seja, o interesse em participar e o link do blog participante. É importante me dizer o link do blog porque algumas pessoas têm mais de um e eu preciso saber isso para poder divulgar certinho. Conforme forem me enviando a confirmação de participação a listagem vai aumentando, ok? Confiram, por gentileza, se o nome e o link estão nos conformes, pois posso acabar me esquecendo de alguém. Vou procurar atualizar isso todos os dias! Ah! Os blogs listados estão em ordem alfabética!

De acordo com a possibilidade eu vou visitando o blog de vocês, ok? Não posso prometer comentários em todos, mas vou me esforçar para ao menos dar um “alô” e a vida vai seguindo seu curso natural. Também não sei se vou conseguir responder todos os emails… um cadinho de cada vez e a gente vai organizando.

Alguém me perguntou sobre a data de início da Blogagem. Pelas minhas contas vamos começar no dia 24 de maio, uma semana após o término da Blogagem “Colorindo a Vida” comandada pela Glorinha (Confirma aí Glorinha!!!!). Mas, não se preocupem, que estando tudo confirmado a data vai ser relembrada algumas vezes e aí ninguém se perde. Então, tem bastante tempo para se envolver com o tema, decidir se vai ou não participar, enfim…

Muito agradecida pelo carinho de todos vocês, pelos emails fofos, por aceitarem meu convite! Fiquei muito feliz! 🙂
E a gente vai se falando, ops, se “clicando”… ok?

Mil beijos simplesmente coloridos!

Read Full Post »

>Totalmente sem nexo!

>Quando começou a escurecer hoje me deu uma esquisitisse.
Não sei se foi porque acordei às cinco da manhã morta de cólicas e tive que levantar num frio do cão para procurar remédio…
Não sei se foi pelo fato de me pegar várias e várias vezes conversando sozinha na cozinha ou com meu gato (me senti a própria Fernanda Young nos intervalos do programa “Irritando FY”) e tentando fazer café na cafeteira que quebrou a asa…
Não sei se isso é efeito das pantufas rainbow que podem estar deixando meu humor alterado ou resgatando aquela velha pessoa totalmente sacana que habita meu ser.

Muito estranho!

P.S.: Não sei quanto a vocês mas eu simplesmente estou odiando essa configuração nova do blogger na hora que vou inserir imagens. Não sei se estou usando algum recurso que não sei, ou não sei mesmo se é só comigo ou com todo mundo. Só por causa disso esse post vai ficar “pelado”, sem imagem… to a fim não!

Read Full Post »

>

Há algumas semanas atrás eu estava conversando com a amiguxa Glorinha do blog Café com Bolo sobre fazermos uma nova blogagem a partir de uma abordagem tão interessante quanto ainda está sendo o “Colorindo a Vida”. Então eu sugeri um novo tema que vamos chamar de “Vida Simples”. Vou explicar melhor como vai funcionar no decorrer do post.

Antes da explicação quero falar a respeito do que (para mim) vem a ser uma Blogagem Coletiva. A Blogagem não tem o intuito de promover blogs ou algo do gênero, pelo simples fato de colecionarmos leitores e adeptos, muito menos tem a ver com auto promoção. Penso que este tipo de “brincadeira” tem como objetivo reunir pessoas com interesses afins, ampliar nossos contatos no sentido de conhecer pessoas novas, interagir com elas e, certamente, neste meio tempo, ganhamos novos amigos e atraímos quem tem afinidades conosco. Além disso, participar de uma blogagem faz com que a gente aprenda sobre muitos assuntos, tanto no momento em que preparamos os nossos posts quanto quando visitamos os blogs participantes. Geralmente, a blogagem coletiva nos convida a prestar um pouco mais de atenção sobre temas que, antes, não atraíam o nosso olhar. Isso ajuda a estimular a nossa criatividade, exercitar a nossa escrita e aprimorar novos conhecimentos.

Pois bem! Mas o que seria essa nova blogagem com o tema “Vida Simples”. Na realidade, trata-se de um convite… um convite para olharmos ao redor e procurarmos identificar simples objetos ou acontecimentos que, geralmente, passariam despercebidos. Não é novidade para ninguém que temos levado uma vida muito corrida, estressante e, por isso, deixamos de observar a beleza e a poesia que a simplicidade nos oferece. Então, como isso vai funcionar:

  1. Para participar envie um e-mail para mim (milaviegas@milaviegas.com.br), com o nome e endereço do blog. Isso me ajudará a listar os blogs participantes e organizá-los da melhor forma.
  2. Serão apenas 4 semanas. A data de início ainda será divulgada, pois vamos aguardar o término da Blogagem Coletiva “Colorindo a Vida” que está sendo organizada pela Glorinha.
  3. A blogagem ocorrerá as segundas-feiras. Se você for participar e durante a blogagem perceber que não vai conseguir postar no dia certo, aconselho a escrever o post antes e programá-lo para a data correta. Se mesmo assim, acontecer algum imprevisto, gentileza avisar.
  4. O tema principal da blogagem é “Vida Simples”, mas teremos sub-temas, como por exemplo, “vida simples na sua casa”, onde você poderá fotografar o objeto que mais gosta, um momento, ou encontrar alguma imagem na web que tenha a ver com o seu relato. O ideal seria uma fotografia tirada por você para que todos possam “olhar com os seus olhos”, mas se isso não for possível, alguma imagem próxima daquilo que você vai relatar já ajuda.
  5. Quando você for escrever o seu post, procure se envolver com o que vai relatar. Pode ser algo que já aconteceu ou que está acontecendo naquele momento. O objetivo é resgatar um pouco da simplicidade que trazemos dentro de nós, que vivemos no dia-a-dia e exercitar o nosso olhar em relação à vida.

Quem topa?

Qualquer dúvida é só levantar a mão!

Quem estiver sem tempo, não quiser, não estiver com vontade, achou complicado, enfim… não tem problema. Mas tenho certeza de que ao final dessa blogagem vamos perceber muito mais facilmente que existem coisas tão bonitas e revigorantes que sairemos dela renovados.

Beijos e abraços!

Read Full Post »

>

 Fazia um bom tempo que eu estava querendo muito esta pantufa. Exatamente esta! Um dos motivos é porque acho ela muito fofa e o outro é porque ela esquenta muito mais por ser estilo botinha.
Eu sempre procurava para comprar e quando achava estava sem dinheiro (rs), quando tava com dinheiro não tinha mais… enfim.

Eis que ontem o Fabio chega em casa com essa coisa mais fofa do mundo pra mim!! AMEIIIII! Ele se lembrou que eu queria exatamente esta e, como teve oportunidade, trouxe pra mim. Trouxe uma de bichinho pro Natan também e ele está todo prosa com a pantufa nova.

Fiquei igual a criança… hihihihihihihihihihihi. Que delícia colorida para deixar meus dias mais aquecidos e alegres. Eu fiquei até emocionada!!! Às vezes, uma besteirinha qualquer, um presente simples, faz tanta diferença na nossa vida que… afff! Sabe, não importa o valor, o que importa é a intenção.

Agora estou ainda mais colorida!!!

Read Full Post »

>

Ontem foi um dia bem introspectivo pra mim. Li bastante, fiz muitas anotações e, quando percebi, já era bem tarde e estava na hora de dormir. Fiz progressos internos muito interessantes.

O dia de hoje, embora também baseado em muito estudo, foi mais produtivo no sentido de realização. Comecei a materializar algumas peças que, antes, só rondavam minha mente. Tirei o jejum da máquina de costura… fazia um tempinho que não escutava o barulhinho do motor fazendo a agulha dar forma a alguma peça.

Estou estudando e pesquisando vários assuntos ao mesmo tempo e, praticamente, um não tem absolutamente nada a ver com o outro… mas, ao final, todo o conhecimento adquirido de várias fontes caminharão juntos. De pouquinho em pouquinho já é possível ver progresso. Isso é um enorme teste para a minha paciência!! Estou indo bem e gostando de ver os resultados. A ansiedade tem passado bem longe de mim e, por isso, estou curtindo cada segundo com tranquilidade…

Read Full Post »

Older Posts »